Agência Pés-Formosos - Topo
 
 
 
 
Pesquisar por palavra:



 





Notícias


30/11/2011 - 18:37h

30 de Novembro - Dia Nacional do Evangélico

Data foi criada em 2010, mas ainda é pouco conhecida e divulgada. Leia pronunciamento do Deputado João Campos, em relação ao feriado distrital alusivo ao Dia do Evangélico no Distrito Federal

30 de Novembro - Dia Nacional do Evangélico

Frente Parlamentar Evangélica via Jesus Comigo

Pronunciamento do Presidente da Frente Parlamentar Evangélica, Deputado Federal João Campos (PSDB/GO), em homenagem ao Dia do Evangélico em Brasília.

Senhoras e Senhores Deputados,

Venho a esta tribuna na condição de Presidente da frente Parlamentar Evangélica do Congresso Nacional para homenagear os evangélicos do Distrito Federal porque hoje, 30 de novembro, celebramos o seu dia.

Há 16 anos é comemorado em Brasília o Dia do Evangélico em face da Lei Distrital 893/95. Esta data representa para o segmento evangélico do Distrito Federal o reconhecimento da importância da sociedade cristã na sua incansável luta em daqueles que efetivamente precisam de paz, consolo e sobretudo de Deus.

A atitude das igrejas evangélicas de Brasília, não apenas procura evangelizar, mas também, contribuir com o poder executivo, orando para que o governo acerte nas suas decisões administrativas em busca de um governo produtivo, justo, solidário e capaz de gerar segurança e melhor qualidade de vida para os brasilienses.

Senhor Presidente, veja dados do crescimento do segmento no Distrito Federal, os quais dão conta de que 40% da população candanga é evangélica. É até assustador, mas o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revela que Brasília abriga perto de 1.187.000 evangélicos distribuídos em 4.700 templos dos mais diversos ministérios.


Esse sucesso é resultado de uma visão de reino das igrejas aqui estabelecidas que, certamente, ao longo dos anos, procuraram e ainda procuram viver o evangelho pleno, buscando efetivamente cumprir a ordem imperativa de Jesus no Livro de Marcos, notadamente, no capítulo 16: 15 ‘’Ide e pregai o evangelho a toda criatura...”.


Neste contexto, vale lembrar, especialmente nesta comemoração, os pioneiros da fé e das igrejas evangélicas que surgiram antes mesmo da inauguração de Brasília, portanto, missionários, que em decorrência da construção da nova capital, aqui desembarcaram com suas malas, seus sonhos e sobretudo com muita vontade de contribuir com o País, iniciando a obra de Deus junto aos canteiros de obras, entre os anos de 1955 e 1960.

Junto com o sonho de Juscelino Kubitschek, Senhor Presidente, estavam as convicções religiosas de pastores vocacionados das mais variadas denominações evangélicas, abraçando uma causa bem maior que o projeto arquitetônico arrojado de JK. Os nossos pioneiros abraçaram o estabelecimento de casas e lares espirituais de milhares de pessoas, muito mais valioso do que qualquer estrutura de pedra, ferro e cimento.

Aproveito para, a título de homenagem, destacar o nome de pastores que foram pioneiros e de outros que dão continuidade a obra, a saber, pastores Paulo Leivas Macalão, Divino Gonçalves e sua esposa missionária Isbela Fonseca, Ocival Xavier, Antonio Inácio, Eduardo Sampaio, Sóstenes Apolos da Silva, Jaime Antonio de Souza, Joanyr de Oliveira, Bispo Manoel de Ferreira, Elias Brito Sobrinho, Vilarindo Lima, João Ferreira, Darci Guilherme dos Reis, James Everit, José Felício Prata, Neuton Abreu, João Adair, Lourival Dias Neto, Egmar Tavares, Ronaldo Fonseca, Bispo Rodovalho, Benedito Domingos, Elienai Cabral, Doriel de Oliveira e tantos outros que aqui não são mencionados em face da ausência de informação a respeito, padeceram a falta de estrutura urbana – água, luz, telefone, transporte, assistência médica – mas não desistiram do sonho de Deus entranhados nos seus corações e materializados na transformação de pessoas necessitadas do evangelho.

Hoje, Senhor Presidente, somos milhares, resultados de uma semente plantada no primeiro culto realizado em Brasília, debaixo de uma árvore no Núcleo Bandeirantes, em 1954, pelo pastor Elias Brito Sobrinho, fundador da Primeira Igreja Batista de Brasília. Essa semente germinou e seus frutos alimentam a alma de todos que fazem de Brasília sua casa.


É justa esta data,
É justa esta celebração,
É justa esta homenagem,


30 de novembro, Dia do Evangélico de Brasília, nos convoca para celebrar a Deus e dizer como Eu sei que o meu Redentor Vive e que por fim se levantará”.

Deus está sobre Brasília. Ele se levantou para abençoar esta cidade e usa para isso, os que oram, os que louvam, os que pregam o evangelho, portanto, os que independentemente das circunstâncias não abrem mão de suas vocações e de sua fé.

Parabéns, aos meus irmãos, evangélicos de Brasília. Parabéns à Nação cristã brasiliense.

Que Deus abençoe a todos!

Brasília 30 de novembro de 2011

Muito obrigado,

Deputado João Campos
Presidente da Frente Parlamentar
Evangélica Do Congresso Nacional

NE: Conforme a Lei Federal 12.328/2010: "Art. 1o  Fica instituído o Dia Nacional do Evangélico, a ser comemorado no dia 30 de novembro de cada ano." em todo o território nacional. O que falta é divulgação.

Notícias relacionadas

Dia do Evangélico é comemorado em todo Brasil, mas só em Brasília é feriado


Fonte: Frente Parlamentar Evangélica via Jesus Comigo


1 comentário(s)

Comentários


  • Oba, nos catolicos tambem vamos comemorar, afinal somos evangelicos tambem :D

    Enviado por Daniel
    /-- - Brasil (em 04/10/2012)

Deixe seu Comentário

Nome:
E-mail:
Cidade/UF:
País:
Título:
Comentário:
captcha: Captcha
 

 
  Quem Somos   ::   Estatuto Social   ::   Associe-se   ::   Contribua com a APF   ::   Mapa do Site   ::   Fale Conosco  
 
Copyright © 2017. Desenvolvido por Janes Roberto da Costa. Todos os Direitos Reservados.